Ads 468x60px

sexta-feira, 20 de abril de 2012

Curiosidade.: Receita de Hidromel, a bebida dos Deuses!


Aposto um real de BigBig que os nerds que curtem mitologia, livros, filmes e jogos de RPG, já ouviram falar e sabem o que é o hidromel, também conhecido como mead. Para os que não sabem, eu explico. O hidromel é uma bebida fermentada a base de mel e água, obtida pela transformação dos açúcares do mel em álcool. Segundo a história, a sua fabricação é anterior à do vinho e a da cerveja, e é constantemente descrito como a bebida favorita dos Deuses nórdicos.

O hidromel é citado em vários filmes como A Lenda de Beowulf, Harry Potter, Robin Hood (é a bebida que o Frei Tuck fabrica), e também em vários livros de autores famosos: Tolkien, George R. R. Martin, Bernard Cornwell (adoooooooro!), entre outros.

De acordo com a história, celtas, saxões, vikings e até os romanos consumiam a bebida. Existem registros de que uma bebida similar ao hidromel era consumida pelos maias. Os gregos a chamavam de melikraton, e os romanos de agua mulsum, apesar desta ser uma variação feita com vinho de uva adocicado. Segundo Plínio, cientista e historiador romano, foi Aristeu quem criou a primeira fórmula do hidromel. Valeu, Aristeu!

Fabricar hidromel é fácil e você pode fazer na sua casa (no final do post eu dou a receita). O mel maduro, aquele que é colhido diretamente do favo quando este é totalmente operculado pelas abelhas, possui mais ou menos 20% de umidade, dificultando o processo de fermentação do mel. Mas quando essa umidade sobe 2%, os fermentos presentes no ar, no pólen e no próprio mel (cogumelos microscópicos da espécie saccharomyces cerevisiae - o mesmo da cerveja) começam a se multiplicar e transformam os açúcares em álcool. Para uma fermentação completa e que alcance o desejável teor alcoólico de 12%, basta fazer o hidromel na proporção 80% água/20% mel.

ATENÇÃO!

O RN aconselha a todos que vão consumir o hidromel a beberem com moderação, pois o teor alcoólico da bebida é relativamente alto; você que vai fabricar, não se esqueça de que todo cuidado é pouco, pois se trata de uma bebida alcoólica que precisa ir ao fogo. NÃO NOS RESPONSABILIZAMOS POR NENHUM ACIDENTE OU RESSACA NO DIA SEGUINTE!

Vamos à receita?




Ingredientes:

  • 4l de água
  • 1l de mel
  • 5g de fermento
  • Suco de um limão
  • Suco de uma laranja
  • Saquinho de chá preto

Passo a Passo:

  1. Ferva a água para tirar os resíduos de cloro
  2. Tire metade da água (2l) e deixa em fogo alto, a outra parte tire do fogo e deixe reservado.
  3. Na metade que está no fogo, você adiciona todo mel, os sucos e o saquinho de chá, fique mexendo até quando perceber que irá ferver; abaixe o fogo e deixe lá por mais 1 hora, mexa nos primeiros 30 minutos e depois deixe lá o resto do tempo para formar uma camada na superfície
  4. Passada 1 hora, retire essa camada que se formou e joge fora, tire o saquinho e tudo que puder tirar
  5. Acrescente a metade de água que estava reservada e mistura.
  6. Adicione o fermento e guarde em um recipiente que possa ser fechado com uma tampa (um ótimo meio de guardar o hidromel é em um garrafão de vinho de 4,6l); ponha um air-lock no lugar da tampa (Air-Lock é um sistema que permite que o ar saia, mas não entre)
  7. Deixe fermentando de uma a duas semanas em lugar escuro
  8. Após o período de fermentação, côe o liquido, tirando tudo que tiver no fundo, engarrafe em garrafas que lhe for mais conveniente, e deixe na geladeira por no mínimo 3 meses, se você quiser pode degustar sua obra nesse período

OBS: Existem várias receitas de hidromel mundo afora. Essa é uma que encontrei em vários sites na internet e que dizem ser muito boa. Eu não testei, aviso logo! Essa receita rende cinco litros (5l); é hidromel pra dar e vender, como dizia minha mãe. xD

Se você gostou e vai testar essa receita em casa, seja legal e convide a galera do RN para experimentar um caneco de hidromel caseiro, enquanto cantamos:


"I rose up in the morning and a felt a dire need
To dream away the weary day and have a cup of mead!
Ignore the sting of the honey bees I drank and drank some more!
I awoke the very next day and my friggin head was sore!"


[Fonte: Papo de BarTem Preguiça Não!, WikiHow]

11 comentários:

  1. Alexandra Oliveira22 de abril de 2012 15:40

    Agora tem uma marca de Hidromel em escala industrial e vende pela internet! A marca é a Valkiria, uma delícia..  
    https://www.facebook.com/valkiriahidromel

    ResponderExcluir
  2. Um amigo me falou dessa marca de Hidromel na sexta-feira passada! Mas convenhamos, deve ser muito mais legal fazer um! hehehehe

    Você já experimentou esse da Valkiria, Alexandra?

    ResponderExcluir
  3. Alexandra Oliveira9 de novembro de 2012 16:21

    Sim, eu compro as vezes quando vou fazer jantar para o pessoal ;)

    ResponderExcluir
  4. Ok, você me convenceu: vou comprar para experimentar! ;-)

    ResponderExcluir
  5. Olá pessoal, estou entrando no mercado com uma nova marca de hidromel, o hidromel Heindall. É produzido com a tradição artesã dos processos fermentativos.
    O hidromel Heindall é distribuido pela BASE - Hidromel e bebidas em geral.
    Deem uma olhada no nosso site e compare!
    basebebidas.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  6. gostaria de saber que tipo de fermento é usado na receita.

    ResponderExcluir
  7. Bom dia, Daniela! O fermento mais usado em bebidas é a LEVEDURA, pode comprar que dá certo! ;-)

    ResponderExcluir
  8. HIDROMEL TRADICIONAL ALFHEIM 750ML ARTESANAL

    RECEITA VIKING DELICIOSO

    Oque é Hidromel?

    O Hidromel possuí diversos nomes: Mead, Methus, Med, Hidromel, Hydromel, Hidromiel, Melomel e Medovina.
    O termo usado no Brasil vem do grego através do latim, mel e água: hydromeli.
    Precisamente o produto é um fermentado de mel e água, porém, muito mais que esta simples definição o Hidromel foi apreciado por diversas civilizações ao longo dos milênios.

    Extremamente antiga, é bem provável que a sua produção e consumo se fizessem num período onde ainda não existisse vinho e, de uma forma mais certa, cerveja. A primeira menção histórica ao hidromel foi feita num dos hinos do Rigveda, o documento mais antigo da literatura hindu, escrito por volta de 1700-1100 a.C. Também Aristóteles na Metereologica e Plínio o Velho na suaHistória Natural relatam factos relacionados com esta bebida. Constata-se pois que várias civilizações conheciam e apreciavam este néctar, nomeadamente os gregos, que a chamavam melikraton, os romanos, que a designavam por água mulsum (apesar de, neste caso, poder ser igualmente uma variante feita com vinho de uva adocicado com mel) e mesmo os maias, que tinham uma bebida em tudo similar. No entanto, os maiores apreciadores de hidromel eram os povos nórdicos e eslavos, sendo que para a mitologia dos primeiros, esta bebida aparecia como a favorita dos deuses. Outras culturas antigas consumidoras desta beberagem foram os celtas, saxões e vikings.

    E o nome Alfheim?

    Na mitologia nórdica, Álfheim (Álfheimr em nórdico arcaico, lar dos elfos) é o domicílio dos Álfar 'Elfos' na mitologia nórdica, aparecendo também em baladas inglesas sob a forma de Elfhame e Elphame. É também um nome antigo para o território que existe entre o que, atualmente, é o rio Glomma na Noruega e o rio do Göta älv na Suécia.

    Snorri Sturluson no Gylfaginning relaciona Alfheim como o primeiro de uma série de mundos do céu:

    O que é chamado de Alfheim, o lugar onde residem o povo chamado elfos luminosos (ljósalfar); ... Os elfos luminosos são justos como o sol ...

    Atenção: HIDROMEL - Trata-se do Hidromel em si sem adição de qualquer outro ingrediente que não seja - agua - mel - fermento.

    Bebida fermentada 100% natural - sem corantes, conservantes ou quaisquer outro tipo de álcool (cereal ou cachaça)- o único álcool é proveniente da fermentação dos açucares presentes no mel - ingredientes são apenas mel silvestre de opérculos, água mineral esterilizada e filtrada e levedos importados.

    Local de Produção: Rio Grande do Sul. Mel Silvestre Nativo proveniente da Mata do lugarejo chamado Forqueta, na serra Gaucha.

    Produzido com cuidados especiais de higiene e sanidade desde a mostura até o envase.

    Garrafa transparente, permite visualização da pureza e coloração do líquido, assim como estocagem por longos períodos tanto na posição vertical como horizontal. Produto com validade indeterminada. Após aberto deve ser consumido.

    http://produto.mercadolivre.com.br/MLB-447052280-hidromel-alfheim-750ml-nectar-dos-deuses-receita-viking-_JM

    Garrafas de 750 ml com teor alcoolico de entre 9 e 12%.

    ResponderExcluir
  9. Qual a quantidade de suco?

    ResponderExcluir
  10. Pessoal, existe um forum que fala sobe hidromeis no brasil, está começando agora! Quem gosta do tema registr-se e vamos participar! Forum: hidromelbrasil.forumeiros.com.br e tenho um blog sobre hidromeis também: pompeiahidromeis.wordpress.com

    ResponderExcluir
  11. Vanderleia Dos Santos13 de setembro de 2014 14:38

    Muito legal. Vou tentar fazer e conto o resultado depois.

    ResponderExcluir