Ads 468x60px

quinta-feira, 31 de março de 2011

Samsung instala softwares Keylogger em seus notebooks


É, parece que o conceito de segurança da informação passou longe do QG da Samsung. Para quem não sabe o que um Keylogger, eu vou explicar: é um software do tipo espião (spyware) que registra tudo o que o usuário digita em seu teclado. Entederam a gravidade da situação? O_O

Tudo começou quando um usuário, chamado Mohamed Hassan, reportou ao site NetworkWorld que a Samsung simplesmente tomou a iniciativa de instalar um Keylogger em seus notebooks recém comprados: um R525 e um R540. O programa foi descoberto logo depois de Mohamed rodar um scan de segurança nos dois notebooks. Além disso, descobriu-se que ele é conhecido como StarLogger e fica localizado na pasta c:\windows\SL.

Ao entrar em contato com o suporte da Samsung, e depois do atendente negar que a empresa tenha instalado um spyware nas máquinas, ele obteve a resposta de que realmente a Samsung instalou, ainda na fábrica, o Keylogger nos notebooks a fim de "monitorar a performance da máquina e para saber como ela está sendo utilizada". WTF? Quer dizer que se for para monitorar a SUA máquina, eles podem instalar um programa espião; é isso mesmo? Como assim eles se acham no direito de querer saber como a SUA máquina está sendo utilizada?

Ainda não se pode afirmar, ou é muito difícil de dizer, se esse problema é um fato isolado ou generalizado. Uma hora depois do relato ter sido feito por Hassan, ao site NetworkWorld, a Samsung se pronunciou oficialmente a respeito do assunto, através de seu porta-voz, e disse que "a Samsung leva a reclamação do Sr. Hassan muito a sério. Depois de ficar sabendo do post original no NetworkWorld.com, nessa manhã, nós iniciamos uma investigação interna a respeito dessa questão. Nós proveremos maiores informações assim que elas estiverem disponíveis."

É, Samsung, espero que você tenha uma EXCELENTE explicação para isso. Eu já não gostava muito dos notebooks da Samsung, depois dessa então eu passarei LONGE de qualquer um deles.


[Fonte: Engadget, NetworkWorld, NetworkWorld(2), NetworkWorld(3)]

Nenhum comentário:

Postar um comentário