Ads 468x60px

quinta-feira, 19 de janeiro de 2012

Microsoft inaugura o maior centro de tecnologia e inovação da América Latina!


No dia 17/01, terça-feira, a Microsoft inaugurou o maior centro de tecnologia e inovação da América Latina, o MTC (Microsoft Technology Center). O centro foi construído na cidade de São Paulo (SP), possui mais de 1.300 m² e conta com ambientes de simulações, discussões e desenvolvimento de soluções.

Na ocasião do lançamento do centro (de tecnologia e inovação), o Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação, e a Microsoft assinaram um protocolo de intenções que, segundo o da Microsoft Brasil, Michel Levy, "(...) visa acelerar incubadoras para criar startups com base tecnológica nas áreas de telecomunicações, óleo e gás, saúde, educação e, especialmente, jogos, que fomentam o segmento de inovações por se tratarem de softwares muito sofisticados".

Toda a infraestrutura foi montada através de uma parceria entre 15 (quinze) gigantes do setor de tecnologia, entre elas estão a HP, a Intel, a Nokia e a Dell. O centro também possui um super datacenter com 360 processadores e capacidade de armazenamento de 700 terabytes, diversos ambientes como os citados no início do post e salas de projeção de imagens, treinamentos e um centro de interação. Levy disse que "(...) o data center vai simular o máximo do ambiente das empresas, mas também poderá usar os dados dos próprios clientes se baseando em protocolos de segurança para garantir que nada saia dali", explica Fábio Souto, diretor do MTC. "O centro de inovação e tecnologia contará com um time de oito pessoas prontas para atender os clientes e parceiros na criação de novas soluções".

A utilização do MTC extrapolará o âmbito dos clientes e parceiros, atingindo ONGs, estudantes e empreendedores que participem dos projetos da Microsoft. Segundo o site Olhar Digital, "o investimento de US$ 10 milhões no centro (...) não dará retorno financeiro à empresa". Será? Microsoft liderando um projeto "free to play"? Acho bem difícil, viu? De acordo com Michel Levy, o retorno, na verdade, se dará em nível de inovação e "o investimento é ampliar a presença e relevância da Microsoft no mundo todo".

Um dos destaques apresentados na MTC foi o projeto ProDeaf, no qual consiste em transformar dados de voz em símbolos da línguagem dos sinais (Libras) e vice-versa; essa técnica permite uma comunicação mais fluente entre deficientes auditivos e pessoas sem deficiência. A empresa por trás do desenvolvimento do projeto se chama Proativa, e o seu diretor de negócios, João Paulo Oliveira, falou entusiasmado: "Imagine daqui um tempo um plugin no MSN do ProDeaf ou na televisão onde o avatar converte em tempo real o que está sendo falado". Tudo bem que, atualmente, a porcentagem do número de pessoas que utiliza o MSN Messenger caiu drasticamente, mas a idéia de criar um plugin é fantástica e com certeza poderá ser extendida a outras plataformas de mensagens instantâneas.

Acessem o site oficial do MTC para obterem mais informações sobre os projetos em destaque e a filosofia do centro.

Esta foi um iniciativa fantástica da gigante do vale do silício, isso não há o que contestar; mas sério mesmo, Microsoft, filantropia é a praia do Bill Gates e não a sua, muito menos do Steve Ballmer.


[Fonte: Olhar Digital, Microsoft]

Nenhum comentário:

Postar um comentário