Ads 468x60px

sexta-feira, 17 de agosto de 2012

Governo quer regulamentar tecnologia que usa celulares como meios de pagamento


No mês passado, o ministro da Comunicações - Paulo Bernardo - afirmou que o governo encaminhará um Projeto de Lei (PL) ao congresso, nos próximos meses, que visa regulamentar a tecnologia que utiliza quaisquer celulares como meios de pagamento (como se fossem cartões de crédito ou débito, por exemplo).

De acordo com a agência Reuters Brasil, no mês de maio o Ministério das Comunicações e o Banco Central criaram um grupo de trabalho encarregado de elaborar e formatar o documento que trata da regulamentação da tecnologia em questão. Ainda de acordo a Reuters Brasil, neste mês de agosto deve ser liberada a primeira minuta com a proposta do PL.

O ministro Paulo Bernardo recebeu, no mês passado, uma delegação da gigante chinesa Huawei, empresa que se mostrou extremamente interessada em comercializar equipamentos voltados para o acesso à internet 4G na faixa de 450 MHz. Segundo Paulo Bernardo, "Eles são fabricantes de equipamentos e viram um mercado enorme se abrindo no Brasil e na região (...)" e complementou que a Huawei tem a intenção de "desenvolver tecnologias de transmissão de LTE em 450 Mhz". A tecnologia LTE possue uma alta capacidade de transmissão de dados e já é utilizada em diversos países que possuem acesso à internet de quarta geração.

 Alguns de vocês podem estar confundindo a tecnologia em questão - a qual é o objeto da regulamentação que será proposta pelo governo - com a NFC (Near Field Communication); a verdade é que as duas preveem o uso de smartphones como meios de pagamento, mas interagem de forma totalmente diferente com os dispositivos. A tecnologia NFC é integrada aos dispositivos através de um chip controlador e possibilita uma conexão sem fio de curto alcance, já a tecnologia objeto da regulamentação utilizará a internet 4G como forma de transmissão de dados. Além disso, a principal diferença é que "o celular não precisa ser smartphone, já que a tecnologia empregada seria semelhante a um SMS", disse Paulo Bernardo.

Na minha opinião, o projeto é muito interessante e vai facilitar a vida de muita gente! Imagine que você esqueceu sua carteira em casa e junto com ela todos os seus cartões; com essa nova tecnologia, você poderá usar seu celular para pagar uma compra, simples assim.


[Fonte: Reuters Brasil, Olhar Digital]

Nenhum comentário:

Postar um comentário