Ads 468x60px

terça-feira, 28 de maio de 2013

Jogos.: Wii U se encaminha para uma morte prematura?

Baixas vendas, poucos jogos, desenvolvedoras abandonando a plataforma, concorrência iminente do PlayStation 4 e do novo Xbox: há salvação para o Nintendo Wii U?

Baixas vendas


No início do seu ciclo de vida, o Wii U tem vendido menos do que o GameCube, o que é preocupante, tendo em vista que este foi o console mais mal sucedido da empresa. Isso, em boa parte, se deve ao reduzido número de jogos disponíveis, além de não haver um público alvo claramente definido. Enquanto os jogadores hardcore veem no Wii U uma máquina com poder de processamento equivalente à atual geração, os casuais não entendem bem a proposta do aparelho, e muitos sequer sabem que se trata de um novo aparelho, e não uma expansão para o abandonado Wii.

Desenvolvedoras abandonando


Várias produtoras e desenvolvedoras de jogos estão abandonando o Wii U. Os anúncios mais impactantes até o momento foram da Electronic Arts, informando que suas franquias Madden e Fifa não terão versões 14 para o console da Nintendo - no caso do Fifa, a "culpa" foi das baixas vendas da versão 13, e da Activision, que também não deve levar mais a franquia Call of Duty para o Wii U após a decepção com Black Ops 2.

Baixo poder de processamento


Após apostar em máquinas equivalentes ou superiores às da concorrência (NES, SNES, Nintendo 64 e GameCube), a Nintendo optou por um novo rumo e disponibilizou uma máquina fraca para seus jogadores - o bem sucedido Wii - apostando na inovação de jogabilidade. Agora, com o Wii U, novamente uma máquina fraca (perto do que está por vir na nova geração de PlayStation e Xbox), mas a inovação na jogabilidade não se concretizou, ou ao menos não conquistou fãs.

Tem salvação?


A Nintendo anunciou em seu Twitter que discutirá sobre Mario 3D, Mario Kart, Super Smash Bros., além de outros títulos para Wii U na próxima Nintendo Direct, antes da E3 - e da expectativa dos jogadores por um novo Zelda.

Difícil vai ser sustentar um console por pelo menos uns cinco anos apenas desgastando a franquia Mario. Se for assim, mesmo os nintendistas mais fervorosos acabarão optando por outra plataforma ou simplesmente aguardando a geração seguinte da Nintendo, enquanto o Wii U acumula poeira.

Entretanto, ainda é muito cedo para decretar a morte do Wii U. Muita coisa ainda pode acontecer, novos jogos podem aquecer as vendas do console, mas a situação ainda é preocupante. Assim, este post fica como um convite à reflexão da comunidade gamer.

Um comentário:

  1. Acho que dessa VEZ a NINTENDO VAI hein!!

    ResponderExcluir