Ads 468x60px

segunda-feira, 9 de abril de 2012

Aeroportos do Brasil começam a oferecer serviço de internet ilimitada e gratuita!

Retirado do portal G1
No final do ano passado, a Infraero iniciou um processo para a implementação do serviço de internet banda larga ilimitada e gratuita em 18 dos 66 aeroportos administrados pela entidade. O edital de convocação pública, para empresas interessadas em fornecer o serviço, foi publicado no Diário Oficial da União (DOU) no dia 5 de dezembro de 2011 para que no início deste ano o serviço já pudesse ser disponibilizado aos usuários. Parece que o cronograma está sendo seguido, pois no dia 5 deste mês, quinta-feira passada, a Infraero anunciou os primeiros aeroportos que contarão com o acesso grátis a internet ilimitada via Wi-Fi.

Os primeiros sete aeroportos do Brasil a oferecerem o serviço (de internet Wi-Fi ilimitada e gratuita) são os das cidades de Recife, Fortaleza, Rio de Janeiro (Galeão e Santos Dumont), Belo Horizonte (Pampulha) e São Paulo (Guarulhos e Congonhas). O serviço, por enquanto, está sendo prestado pela operadora TIM e o acesso à internet estará disponível aos passageiros que se encontrarem nas salas de embarque dos aeroportos. Tudo indica que as empresas Linktel e Net também oferecerão o serviço, mas ainda não há uma data definida para que isso aconteça. Em troca, as empresas que prestarem o serviço poderão colocar anúncios nas salas de embarque e nas páginas de autenticação.

Segundo o portal de notícias G1, o passageiro deve procurar pela rede intitulada "INFRAERO wi-fi grátis" logo após fazer o check-in, pois será solicitado que ele preencha um cadastro com "informações básicas" (nome, sobrenome, RG e passaporte) e o número do seu cartão de embarque. Ainda de acordo com o G1, a autenticação do usuário (login) para acessos futuros será feita através de um e-mail e uma senha de seis dígitos, cadastrados por ele.

Segundo a Infraero, espera-se que todos os aeroportos relacionados à Copa do Mundo de 2014 recebam o serviço de acesso gratuito à internet. De acordo com a operadora Tim, ainda não há uma data certa para a implantação do serviço nos aeroportos de Brasília, Campinas, Confins, Curitiba, Cuiabá, Manaus, Natal, Porto Alegre e Salvador.


[Fonte: Infraero, G1]

5 comentários:

  1. Muito legal e louvável por um lado... perigoso por outro!
    Se não for oferecida uma cartilha com algumas recomendações mínimas de segurança...!

    ResponderExcluir
  2.  Concordo com você, Yuri! Inclusive várias pessoas fazem uso de serviço home banking utilizando pontos públicos de acesso à internet, o que é potencialmente perigoso.

    ResponderExcluir
  3. Hoje (09/04/2012) pela manhã fiquei fazendo hora em Congonhas. Passei no balcão da infraero e perguntei se tinha alguma internet disponível. Eles me informaram que tinha o da Linktel (LINKTEL-WiFi... algo assim). Tinha que fazer um cadastro e só tinha direito de usar grátis 15 minutos. Se quisesse mais tinha que pagar (1h = R$1,99). No cadastro tinha um campo que me confundiu: tinha lá "documento". Eu coloquei meu RG... qdo fui finalizar o cadastro ele dizia 'CPF não encontrado". Tive que preencher, do zero, tudo de novo.

    ResponderExcluir
  4. Provavelmente os atendentes ainda não foram informados sobre a disponibilidade do serviço, afinal de contas isso acontece com bastante frequência! ;)

    ResponderExcluir
  5. Mas os que tinham sinal aberto eram somente esse da Linktel e do Vex. O cadastro no linktel e o informativo com os valores era após acessar a rede deles. Em nenhuma hora apareceu um campo para colocar número do cartão de embarque....

    ResponderExcluir