Últimas Notícias

Aeroportos do Brasil começam a oferecer serviço de internet ilimitada e gratuita!

Retirado do portal G1
No final do ano passado, a Infraero iniciou um processo para a implementação do serviço de internet banda larga ilimitada e gratuita em 18 dos 66 aeroportos administrados pela entidade. O edital de convocação pública, para empresas interessadas em fornecer o serviço, foi publicado no Diário Oficial da União (DOU) no dia 5 de dezembro de 2011 para que no início deste ano o serviço já pudesse ser disponibilizado aos usuários. Parece que o cronograma está sendo seguido, pois no dia 5 deste mês, quinta-feira passada, a Infraero anunciou os primeiros aeroportos que contarão com o acesso grátis a internet ilimitada via Wi-Fi.

Os primeiros sete aeroportos do Brasil a oferecerem o serviço (de internet Wi-Fi ilimitada e gratuita) são os das cidades de Recife, Fortaleza, Rio de Janeiro (Galeão e Santos Dumont), Belo Horizonte (Pampulha) e São Paulo (Guarulhos e Congonhas). O serviço, por enquanto, está sendo prestado pela operadora TIM e o acesso à internet estará disponível aos passageiros que se encontrarem nas salas de embarque dos aeroportos. Tudo indica que as empresas Linktel e Net também oferecerão o serviço, mas ainda não há uma data definida para que isso aconteça. Em troca, as empresas que prestarem o serviço poderão colocar anúncios nas salas de embarque e nas páginas de autenticação.

Segundo o portal de notícias G1, o passageiro deve procurar pela rede intitulada "INFRAERO wi-fi grátis" logo após fazer o check-in, pois será solicitado que ele preencha um cadastro com "informações básicas" (nome, sobrenome, RG e passaporte) e o número do seu cartão de embarque. Ainda de acordo com o G1, a autenticação do usuário (login) para acessos futuros será feita através de um e-mail e uma senha de seis dígitos, cadastrados por ele.

Segundo a Infraero, espera-se que todos os aeroportos relacionados à Copa do Mundo de 2014 recebam o serviço de acesso gratuito à internet. De acordo com a operadora Tim, ainda não há uma data certa para a implantação do serviço nos aeroportos de Brasília, Campinas, Confins, Curitiba, Cuiabá, Manaus, Natal, Porto Alegre e Salvador.


[Fonte: Infraero, G1]