Ads 468x60px

quarta-feira, 22 de junho de 2011

LulzSec e Anonymous Team declaram guerra a governos e corporações! (ATUALIZADO)


Os grupos de hackers LulzSec e Anonymous têm estado em evidência ultimamente, mas não de maneira positiva. Apesar do Anonymous Team ter feito uma carta aberta dizendo que não foi o responsável pelos ataques aos servidores da PSN, ninguém acreditou muito neles. Já o LulzSec assinou embaixo o ataque feito aos sites da Sony Pictures e do CitiBank. Agora os dois grupos decidiram se juntar e declararam uma guerra aberta a governos, bancos e grandes corporações ao redor do mundo.

A intenção dos grupos é expor ao mundo toda a corrupção e os segredos mais podres e obscuros das instituições citadas. Para isso, os grupos estão recrutando hackers do mundo inteiro para se unirem à causa e o LulzSec deu uma declaração oficial que foi traduzida por nós e pode ser conferida a seguir:
Saudações lagartos Lulz,

Como já sabemos, os governos e os terroristas de segurança de "chapéu branco" ao redor do mundo continuam dominando e controlando nosso oceano Internet. Sentando lindamente sob compartimentos cheios de prisioneiros corruptos, eles acham aceitável condicionar e escravizar todas as embarcações a vista. Nossa frota de batalha "lagarto Lulz" agora está declarando imediata e incessante guerra aos moderadores de liberdade-fragmentada de 2011. 

Sejam bem vindos à Operação AntiSegurança (#AntiSec) - nós encorajamos qualquer embarcação, pequena ou grande, para abrir fogo contra qualquer governo ou agência que cruzar os nossos caminhos. Nós defendemos totalmente o ostentamento da palavra "AntiSec" em qualquer desfiguração de site do governo ou arte física de grafite. Nós o encorajamos a espalhar a palavra AntiSec para longe e por toda a parte, para que ela seja lembrada. Para incrementar esforços, nós estamos agora nos unindo ao Anonymous e a todos os navios de guerra afiliados.

Você que está navegando conosco ou contra nós, você que esteja guardando rancores ou um desejo flamejante de afundar nosso navio solitário, nós convidamos você a se juntar à nossa rebelião. Juntos poderemos nos defender para que nossa privacidade não seja atropelada por devoradores aproveitadores. Seu chapéu pode ser branco, cinza ou preto, sua pele e raça não são importantes. Se você está ciente da corrupção, mostre-a agora, no nome do AntiSegurança.

A prioridade máxima é roubar e vazar qualquer informação confidencial do governo, incluindo emails e documentações. Os alvos primários são bancos e outros estabelecimentos de alta posição. Se eles tentarem censurar nosso progresso, nós derrubaremos a censura com tiro de canhão lambuzado de sangue de lagarto.

É agora ou nunca. Suba a bordo, estamos esperando por você...

A história começa hoje.

Lulz Security,
http://LulzSecurity.com/

Support: http://www.mithral.com/~beberg/manifesto.html
Support: http://www.youtube.com/user/thejuicemedia
Support: http://wikileaks.ch/
Support: http://anonyops.com/

Agora o negócio vai pegar fogo!


[Fonte: Pastebin, Gizmodo]
---------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
Atualização:

E os ataques já começaram. Na madrugada de hoje, os sites do governo brasileiro, presidência.gov.br e brasil.gov.br, foram tirados do ar pelo SERPRO (Serviço Federal de Processamento de Dados) depois que hackers aumentaram o tráfego nos dois portais e os tornaram inacessíveis devido à lentidão. O diretor-superintendente do SERPRO, Gilberto Paganotto, disse que esse foi o maior ataque, em termos de volume de acessos, já registrado pelo órgão. Segundo Gilberto, o tráfego chegou a 2 bilhões de acessos durante a operação dos hackers e 300 mil acessos simultâneos. O diretor ainda disse que por volta de 12:30h e 13:00h foi realizada uma tentativa de ataque ao site da Receita Federal.

Os ataques não pararam por aí. Na tarde de hoje, o site da Petrobras foi derrubado e uma mensagem foi publicada no perfil oficial do grupo LulzSec no Twitter:

Acorda Brasil! Nao queremos mais comprar combustivel a R$2.75 a R$2.98 e expotar a menos da metade do preco! ACORDA DILMA!
O grupo LulzSec e sua filial no Brasil, LulzSecBrasil, assumiram a autoria de todos os ataques citados.
É, realmente a coisa vai feder!


[Fonte: Terra Tecnologia, EBand Tecnologia]

Nenhum comentário:

Postar um comentário