Ads 468x60px

quinta-feira, 6 de outubro de 2011

O mundo se despede do gênio Steve Jobs!

Clique na imagem para ampliar
É com muito pesar que nós do RN damos a notícia de que Steve Jobs, ex-CEO da Apple, faleceu ontem - aos 56 anos - vítima de um câncer. Sem sombra de dúvidas, Jobs foi um dos maiores gênios que o mundo da tecnologia já teve a oportunidade de acolher e agora este chora a partida daquele. Muitos de vocês devem lembrar que Jobs se afastou da Apple duas vezes nos últimos dois anos para cuidar de sua saúde, mas desta vez ele disse que seu afastamento era definitivo; como o foi.

O primeiro afastamento de Jobs da empresa foi em 2009, quando ele tirou uma licença de 6 meses para realizar um transplante de fígado; depois, em janeiro deste ano, Jobs enviou uma carta a todos os funcionários da Apple dizendo que precisava cuidar da sua saúde e que precisaria deixar temporariamente o cargo de CEO da empresa, mas que continuaria atuante em suas atividades operacionais. Como prova da declaração dada em sua carta, inesperadamente ele subiu ao palco do evento da Apple, realizado em março deste ano, para anunciar o lançamento do iPad 2.

Não precisa ser fã da Apple para ver o quanto a visão de Steve Jobs revolucionou os mercados de gadgets tocadores de MP3, com os iPods, tablets, com os iPads, e smartphones, com o tão famoso iPhone. Não dá para mensurar o quanto Steve Jobs contribuiu para o mundo da informática e da tecnologia, mas basta dar uma olhada nas grandes empresas fabricantes de dispositivos para perceber o quanto elas se esforçam, cada vez mais, para fabricar produtos que possam competir com os da Apple.

Quando recebi a notícia, ontem, eu estava no cinema com alguns amigos e minha namorada, que inclusive brigou comigo porque na hora eu tomei um susto tão grande que dei uma puxada de ar altíssima (daquelas que você chega levanta da cadeira ou, se estiver em pé, quase dá um pulo para trás).
Tim Cook e muitas celebridades - incluindo Michael Dell (CEO e fundador da DELL), Bill Gates, Mark Zuckerberg, Sergey Brin e Larry Page (fundadores do Google), Steve Ballmer (CEO da Microsoft), Dick Costolo (CEO do Twitter), o presidente dos EUA, Barack Obama, Oprah Winfrey, Arnold Schwarzenegger e outros - deram declarações de pesar pelo falecimento do ícone Steve Jobs; seguem a carta de Tim Cook aos funcionários da Apple e algumas das declarações de pesar mencionadas acima:
Equipe,


Tenho uma notícia muito triste para compartilhar com todos vocês. Steve se foi hoje mais cedo.
A Apple perdeu um visionário e um gênio criativo, e o mundo perdeu um ser humano sensacional. Aqueles de nós que foram sortudos o suficiente para conhecer e trabalhar com Steve perderam um querido amigo e um mentor inspirador. Steve deixa a nós uma grande empresa que apenas ele poderia ter construído, e seu espírito será para sempre a fundação da Apple.


Estamos planejando uma celebração da vida extraordinária de Steve para funcionários da Apple que vai ocorrer em breve. Se vocês quiserem compartilhar pensamentos, lembranças e condolências nesse ínterim, vocês podem apenas enviar um email para rememberingsteve@apple.com. Palavras não podem expressar adequadamente nossa tristeza com a morte de Steve ou nossa gratidão pela oportunidade de trabalhar com ele. Honraremos sua memória nos dedicando a dar continuidade ao trabalho que ele tanto adorava.


Tim

Michelle e eu estamos tristes por saber do falecimento de Steve Jobs.
Steve estava entre os maiores dos inovadores americanos — bravo o bastante para pensar diferente, ousado o suficiente para crer que podia mudar o mundo e talentoso o bastante para conseguir.


Ao construir uma das companhias mais bem-sucedidas do planeta em sua garagem, ele foi um exemplo da engenhosidade do espírito americano. Ao fazer o computador pessoal e colocar a internet em nossos bolsos, ele tornou a revolução da informação não apenas acessível, como também intuitiva e divertida. E, por voltar seus talentos para as histórias que contava, ele trouxe alegria às vidas de milhões de crianças e adultos. Steve gostava de dizer que ele vivia cada dia como se fosse o último. Por causa disso, ele transformou nossas vidas, redefiniu indústrias inteiras e alcançou um dos mais raros feitos na história da humanidade: ele mudou a forma como cada um de nós vê o mundo.


O mundo perdeu um visionário. E não haveria tributo maior ao sucesso de Steve do que o fato de que boa parte do mundo soube de sua morte em um aparelho que ele inventou. Michelle e eu mandamos nossos pensamentos e orações à esposa de Steve, Laurene, a sua família e a todos que o amavam.


Sim, estamos tristes.
Descanse em paz, Steve Jobs. =,(


[Fonte: MacMagazine]

Nenhum comentário:

Postar um comentário