Ads 468x60px

terça-feira, 27 de novembro de 2012

Blizzard é processada por seus autenticadores de conta da B.Net!


A grande maioria dos jogadores que possui conta na Battle.Net faz uso de um autenticador de conta, fornecido pela própria Blizzard, que visa melhorar a segurança da conta através do meio como o usuário faz login nela. Eis que uma empresa de advocacia, chamada Carney Williams Bates Pulliam & Bowman e especializada em direito do consumidor, decidiu processar a Blizzard justamente por causa de seu autenticador de conta.

A empresa alega que o autenticador está sendo utilizado de forma indevida pela empresa, visto que ele pode ser considerado parte essencial da segurança das contas. Apesar do autenticador estar disponível gratuitamente para dispositivos iOS e Android, caso você não tenha um desses dispositivos precisará desembolsar US$ 6,50 em um autenticador físico, parecido com um Pen Drive. O ponto que a empresa de advocacia coloca é que se o usuário não possuir um autenticador, ele precisará de uma senha muito forte para que sua conta na Battle.Net não seja rackeada; mesmo assim, não há garantia de que isso não acontecerá (leia nossos artigos sobre o hackeamento de contas da Battle.Net; post 1, post 2). Em resumo, é como se o usuário fosse obrigado a usar o autenticador para não ter sua conta hackeada.

De acordo com a Carney Williams Bates Pulliam & Bowman, a Blizzard se utiliza de "práticas negligenciais e enganosas relacionadas à segurança das contas dos consumidores da Blizzard". Além disso, a empresa também não está muito satisfeita com a "a negligência da Blizzard em manter protocolos de segurança" e a acusa de estar fazendo propaganda enganosa. A Blizzard rebateu as acusações com a seguinte declaração:
A acusação é completamente falsa e aparentemente baseada em uma falta de compreensão da proposta do uso do autenticador,” disse a publisher. “O autenticador da Battle.net é uma ferramenta opcional que os jogadores podem usar para proteger ainda mais suas contas caso seus dados de login sejam comprometidos fora da infraestrutura da rede da Blizzard.
Eu, particularmente, acho que a empresa de advocacia está pegando meio pesado. É bem verdade que a Blizzard tem tido sérios problemas de segurança com o serviço Battle.Net, mas processar a empresa só porque uma ferramenta extra que é fornecida ao usuário, a qual tem o intuito de aumentar a segurança na hora de fazer login em uma conta, não é 100% gratuita já um pouco demais.

E você, qual a sua opinião sobre o assunto?


[Fonte: Kotaku BR]

Nenhum comentário:

Postar um comentário